CTeSP em Biotecnologia Aplicada

DGES - N.º de registo e data: R/Cr 57/2019 de 19-12-2019

Apresentação

A biotecnologia oferece soluções tecnológicas para muitos dos desafios emergentes na sociedade em diferentes sectores da saúde, na área farmacêutica e alimentar e em otimização de recursos energéticos na área do ambiente e agro-alimentar. As soluções biotecnológicas são transversais a estas áreas e como tal deverão ser suficientemente abrangentes para criar bases que alavanquem em aplicações práticas no mercado de trabalho.

De acordo com a Associação Portuguesa de Bioindústrias, em Portugal, o sector da biotecnologia tem crescido nos últimos anos com a criação de novas empresas nas mais variadas áreas, sendo hoje em dia um sector de bioindústrias competitivo que se assume como importante na criação de emprego. Seguindo a tendência europeia, o número de empresas biotecnológicas aumentará nos próximos anos, havendo uma necessidade clara de formação de técnicos especializados nos mais variados processos químicos e biológicos.

Atualmente, verifica-se a necessidade de reforçar o desenvolvimento e a consolidação da indústria. Para tal, serão necessários no mercado de trabalho técnicos devidamente qualificados e especializados. Por isso mesmo, o CTeSP de Biotecnologia Aplicada, do Instituto Politécnico da Lusofonia, vai em linha com estas tendências e pretende dar solução a futuras necessidades. A formação de técnicos profissionais de biotecnologia aplicada, área emergente ainda recente, pretende lançar no mercado local e nacional pessoas altamente qualificadas que podem contribuir para o desenvolvimento de novas tecnologias nas indústrias locais e em última instância reforçar as capacidades cientificas e inovadoras do país.

Objetivos

Formar técnicos profissionais aptos a elaborar, aplicar, optimizar e gerir metodologias e processos em produtos de aplicação nos setores da saúde, ambiente e agroalimentar.

Competências

A estrutura curricular do CTeSP de Biotecnologia Aplicada do IP Luso visa desenvolver as seguintes competências:

  • Elaborar e gerir projectos com aplicação na área da indústria ou empresarial em diversos domínios, como Genética, Bioquímica, Imunologia, Enzimologia, Agroalimentar, Cosmética, Química, Saúde e Ambiente;
  • Colaborar na elaboração de estudos em empresas Biotecnológicas, Agroalimentares, Saúde e Cosméticas;
  • Colaborar na elaboração e planemento de novos produtos de base tecnológica com aplicação em diferentes áreas da indústria, designadamente Agroalimentar, Saúde e Ambiente;
  • Elaborar e gerir processos de análise em laboratórios ou em empresas que atuem nas áreas da Saúde (análises clinicas e de investigação científica), Agroalimentar (controlo de qualidade), Ambiental (controlo de qualidade, estudos de impacte);
  • Planear, realizar e coordenar a realização de técnicas para determinação de parâmetros associadas à caracterização de amostras de origem alimentar, ambiental e biológica;
  • Planear e implementar procedimentos de gestão ambiental ao nível do tratamento dos seus efluentes líquidos e sólidos das empresas/indústrias;
  • Prestar consultoria na realização de projetos de investigação biotecnológica e de aplicação tecnológica que pressupõem atividade produtiva ao nível da indústria;
  • Elaborar projetos de investigação nas várias áreas da Biotecnologia;
  • Gerir ações de sensibilização na utilização de novas tecnologias e no que respeita à sustentabilidade tecno-científica nas áreas da saúde, ambiente e alimentar e social;
  • Elaborar e gerir um sistema de gestão de qualidade adequado de acordo com as necessidades de registo e controlo específicas a cada processo.

Saídas Profissionais

Os diplomados do CTeSP de Biotecnologia Aplicada do IP Luso podem desempenhar funções no seguintes domínios:

  • Indústrias biotecnológicas, ambiente, agroalimentar, farmacêutica, cosméticos e afins;
  • Apoio à consultoria e coordenação de gabientes de projetos na área;
  • Laboratórios de Tecnologias Forenses, análises biológicas, químicas e bioquímicas.

Equipamentos e Instalações

A Instituto Politécnico da Lusofonia dispõe de múltiplos espaços adequados ao ensino e formação e particularmente aos cursos que ministra quer ao nível da formação teórica, bem como ao nível de formação prática e laboratorial, nomeadamente:

  • Biblioteca especializada e geral;
  • Salas de Aula;
  • Salas de Estudo;
  • Auditórios;
  • Laboratórios de Informática e Computação.

O Instituto Politécnico da Lusofonia dispõe também de infraestruturas e materiais específicos no âmbito do protocolo estabelecido com a COFAC para utilização de instalações e equipamentos no campus da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.

Condições de admissão

  • Titulares do 12º ano ou habilitação legalmente equivalente;
  • Titulares de CET’s, titulares de CTeSP ou de grau de ensino superior;
  • Maiores de 23 anos - os que tenham sido aprovados nas provas especialmente adequadas a avaliar a capacidade para frequência do ensino superior.

Áreas relevantes para Ingresso

Os candidatos devem ter aprovação numa das seguintes Áreas Relevantes:

  • Física
  • Química
  • Biologia
  • Matemática

Plano de Estudos

1.º ANO ECTS
Introdução ao Pensamento Científico 4
Técnicas Laboratoriais em Biotecnologia 4
Fundamentos de Biologia 5
Física Aplicada à Biotecnologia 6
Matemática Aplicada 6
Fundamentos de Química 5
Métodos Instrumentais de Análise 4
Biotecnologia e Diversidade Microbiana 5,5
Biotecnologia do ADN 5
Biotecnologia e Meio Ambiente 4
Biotecnologia e Novos Alimentos 6
Bioquímica Aplicada 5,5
2.º ANO ECTS
Tecnologia Enzimática 4
Bioprocessos Fermentativos 4
Biotecnologia na Saúde humana 4
Valorização Biotecnológica de Subprodutos 4
Biomateriais 4
Projeto 10
Estágio 30

Candidatura online

Calendários escolares

Instalações onde decorrem as aulas:

IPLUSO Rua do Telhal aos Olivais n8 - 8a / 1950-396 Lisboa:

  • ERISA – Escola Superior de Saúde Ribeiro Sanches
  • ESCAD – Escola Superior de Ciências da Administração

IPLUSO Campo Grande 400 / 1700- 137 Lisboa:

  • ESEL – Escola de Educação da Lusofonia
  • ECIA – Escola Superior de Comunicação, Inovação e Artes
  • EET – Escola Superior de Engenharia e Tecnologias
  • ESPA – Escola Superior de Saúde, Proteção e Bem-Estar Animal

Valores

  • Candidatura
    Acesso, Maiores 23, Titulares CET/CTeSP, Titulares de Outros Cursos Superiores 98€
    Mudança de Par Instituição/Curso 72€
    Reingresso 75€
  • Matrícula e Inscrição
    Matrícula 120€
    Seguro Escolar
    (cursos área saúde)
    40€
    (45€)
    Inscrição 85€
  • Propinas
    Valor médio mensal pago em 11 meses 280,20€
Consulte a Política de Privacidade em vigor no Ipluso.
Direitos de autor © 2020 IPLUSO - Instituto Politécnico da Lusofonia. Todos os direitos reservados. Gestão de conteúdos por Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.