Ensino Lusófona
ptenfrdees

CTeSP em Desenvolvimento De Sistemas Para Internet Das Coisas

DGES - N.º de registo:R/Cr 64/2021

Apresentação

Atualmente, a automação e eletrónica industrial estão a atravessar um crescente desenvolvimento onde a Internet é cada vez mais indispensável para a distribuição de informação, estando livre de limitações temporais e sendo capaz de transmitir informação numérica e gráfica em qualquer plataforma. Numa rede de automação, à medida que o número de componentes aumenta, a gestão e os problemas de diagnóstico tornam-se cada vez mais desafiantes para a área de automação e para os profissionais das tecnologias de informação.

Esta evolução leva ao conceito de Internet das Coisas (Internet of Things - IoT), que pode ser definida como conetividade inteligente (redes e protocolos de comunicação) dos equipamentos inteligentes (objetos físicos e virtuais, informação e interfaces). O crescimento da IoT aliada à consequente reconfiguração e evolução da indústria faz com que provavelmente a quarta revolução industrial – Indústria 4.0 – esteja muito perto de se concretizar. Pode dizer-se que a Indústria 4.0 é a introdução das tecnologias da Internet na indústria, e a IoT a motivação e o caminho para uma quarta fase de evolução da indústria.

Neste sentido, e tendo em conta o desenvolvimento e evolução das novas tecnologias, o TeSP de Desenvolvimento de Sistemas para Internet das Coisas, do Instituto Politécnico da Lusofonia, pretende dar resposta às necessidades de mercado e das entidades empregadoras considerando o reconhecimento da importância de garantir a existência de técnicos qualificados na área das novas tecnologias, aptos a desenvolver processos automatizados e inteligentes de dados e uso coordenado de aparelhos nas mais diversas áreas de atividade.

Objetivos

Formas técnicos profissionais aptos a planear, programar, instalar, configurar e gerir sistemas eletrónicos, sistemas informáticos, equipamentos e outros dispositivos de hardware para a internet das coisas e sistemas automáticos que comuniquem com a nuvem e comunicação em rede, cumprindo as normas e regulamentos de segurança.

Competências

Principais competências a adquirir pelos alunos do Curso Técnico Superior Profissional de Desenvolvimento de Sistemas para Internet das Coisas:

  • Projetar, programar e colocar em funcionamento equipamentos e sistemas para internet das coisas;
  • Projetar, implementar e gerir estruturas e equipamentos com dispositivos elétricos, eletrónicos e com microcontroladores;
  • Conceber e implementar instalação de equipamentos e sistemas de Internet das Coisas;
  • Conceber e testar protótipos, destinados a avaliar a fiabilidade do equipamento/sistema e a capacidade de ser fabricado/instalado, tendo em atenção aspetos técnicos e económicos;
  • Desenvolver aplicações residentes em computadores e telemóveis para aquisição e recolhe de dados num ambiente para Internet das Coisas;
  • Configurar, instalar e gerir redes de comunicação de dados e redes para Internet das Coisas;
  • Programar, testar e corrigir erros em programas e sistemas informáticos, nomeadamente em microcontroladores e dispositivos em ambiente de Internet das Coisas;
  • Planear e gerir a gestão da manutenção de equipamentos e sistemas de Internet das Coisas;
  • Elaborar relatórios técnicos relativos à atividade desenvolvida e preencher documentação técnica;
  • Dar formação a outros colaboradores da empresa, nomeadamente aos utilizadores dos equipamentos, aos técnicos de eletrónica e aos técnicos de manutenção.

Saídas Profissionais

O diplomado poderá desempenhar funções em empresas e serviços de: (i) desenvolvimento de plataformas que integram hardware (componentes fisicos) e software (sistemas e sistemas operativos), de forma que os diferentes dispositivos comuniquem entre si utilizando o mesmo padrão de linguagem; (ii) desenvolvimento de aplicações que controlam equipamentos electrónicos de forma remota através de smartphone e tablets e (iii) desenvolvimento de sistemas para proteger dispositivos interligados à Internet. E também em Empresas de automação e manutenção industrial, engenharia de processos, gestão e manutenção industrial.

Equipamentos e Instalações

O Instituto Politécnico da Lusofonia dispõe de múltiplos espaços adequados ao ensino e formação e particularmente aos cursos que ministra quer ao nível da formação teórica, bem como ao nível de formação prática e laboratorial, nomeadamente:

  • Biblioteca especializada e geral;
  • Salas de Aula;
  • Salas de Estudo;
  • Auditórios;
  • Laboratórios de Informática e Computação.

Condições de admissão

  • Titulares do 12º ano ou habilitação legalmente equivalente;
  • Titulares de cursos profissionais;
  • Titulares de CET’s, titulares de CTeSP ou de grau de ensino superior;
  • Maiores de 23 anos - os que tenham sido aprovados nas provas especialmente adequadas a avaliar a capacidade para frequência do ensino superior.

Áreas relevantes para Ingresso

Os candidatos devem ter aprovação numa das seguintes Áreas Relevantes:

  • Informática
  • Matemática
  • Português

Plano de Estudos

1º ANOECTS
Língua Inglesa 3
Fundamentos de Física 4
Tópicos de Matemática 6
Programação Estruturada 4
Eletrónica Analógica 5
Introdução aos Sistemas Operativos 4
Eletrónica Digital 6
Programação Orientada a Objetos 4
Redes de Comunicação de Dados 6
Sensores e Atuadores 4
Introdução à Internet das Coisas 4
Tecnologias de Comunicação para Redes de Sensores 6
Competências Tranversais para Tecnologia 4
2º ANOECTS
Inovação e Empreendedorismo 3
Programação Web e Base de Dados 4
Programação de Dispositivos Móveis 5
Sistemas Embebidos 6
Plataformas e Arquiteturas para Redes de Sensores sem Fios 6
Tecnologias e Serviços para Internet das Coisas 6
Estágio 30

Candidatura online

Calendários escolares

Instalações onde decorrem as aulas:

IPLUSO Rua do Telhal aos Olivais n8 - 8a / 1950-396 Lisboa:

  • ERISA – Escola Superior de Saúde Ribeiro Sanches
  • ESCAD – Escola Superior de Ciências da Administração

IPLUSO Campo Grande 400 / 1700- 098 Lisboa:

  • ESEL – Escola de Educação da Lusofonia
  • ECIA – Escola Superior de Comunicação, Inovação e Artes
  • EET – Escola Superior de Engenharia e Tecnologias
  • ESPA – Escola Superior de Saúde, Proteção e Bem-Estar Animal

Valores

  • Candidatura
    Acesso, Maiores 23, Titulares CET/CTeSP, Titulares de Outros Cursos Superiores 98€
    Mudança de Par Instituição/Curso 80€
    Reingresso 80€
  • Matrícula e Inscrição
    Matrícula 130€
    Seguro Escolar
    (cursos área saúde)
    40€
    (45€)
    Inscrição 98€
  • Propinas
    Valor médio mensal pago em 11 meses 234€
Consulte a Política de Privacidade em vigor no Ipluso.
Direitos de autor © 2022 IPLUSO. Todos os direitos reservados. Gestão de conteúdos por Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.