Laboratório Forense e Criminal

DGES - N.º de registo e data: R/Cr 76/2016 de 13-10-2016

Diretor / Coordenador

Mestre Mário Dias

Apresentação

As Ciências Forenses e Criminais têm tido, nas últimas décadas, um incremento notável, quer de conhecimentos quer de técnicas, o que as coloca num lugar cimeiro dos interesses vocacionais e profissionais de muitos cidadãos que encaram as várias áreas associadas como possibilidades de carreira viáveis e aliciantes na área da investigação.

Em Portugal existem vários especialistas internacionalmente reconhecidos e a Polícia Judiciária tem sido considerada uma das melhores e mais eficazes no plano internacional. A investigação forense e criminal é caracterizada por etapas bem estabelecidas e com responsabilidades técnicas, profissional e eticamente, legitimadas. Contudo, tem vindo a verificar-se um claro défice de recursos humanos em algumas dessas etapas e, sobretudo, a ausência de cursos de formação para esses técnicos.

Objetivos

O CTeSP em Laboratório Forense e Criminal pertencente à Escola Superior de Saúde Ribeiro Sanches, do Instituto Politécnico da Lusofonia, pretende formar técnicos aptos para planear, analisar, desenvolver e executar operações de análise laboratorial de acordo com procedimentos, regulamentos e práticas durante o processamento de evidências / amostras para investigações criminais e civis.

Competências

O plano de estudos do CTeSP de Laboratório Forense e Criminal tem como objetivo desenvolver nos alunos as seguintes competências:

  • Gerir o acondicionamento, o armazenamento e a preservação de amostras e vestígios forenses;
  • Analisar os requisitos da cadeia de custódia;
  • Gerir a receção e registo de amostras;
  • Analisar e executar exames laboratoriais;
  • Coordenar o serviço de desinfeção e de esterilização dos laboratórios e materiais, respetivamente;
  • Auxiliar os técnicos responsáveis pela sua execução na realização de autópsias;
  • Organizar e arquivar amostras e relatórios periciais;
  • Gerir os procedimentos de destruição de amostras;
  • Organizar e armazenar os reagentes segundo as incompatibilidades químicas.

Equipamentos e Instalações

A Escola Superior de Saúde Ribeiro Sanches, do Instituto Politécnico da Lusofonia, dispõe de múltiplos espaços adequados ao ensino e formação e particularmente aos cursos que ministra quer ao nível da formação teórica, bem como ao nível de formação prática e laboratorial, nomeadamente:

  • Biblioteca especializada e geral;
  • Salas de Aula;
  • Salas de Estudo;
  • Auditórios;
  • Laboratórios: Enfermagem, Informática e Computação, Biologia, Química, Microbiologia, Cuidados Paramédicos, Ciências Biomédicas

Saídas Profissionais

Os diplomados do CTeSP de Laboratório Forense e Criminal poderão desempenhar a sua atividade profissional em várias entidades empregadoras, nomeadamente:

  • Instituições de Ensino e Investigação;
  • Instituto de Medicina Legal;
  • Laboratórios de análises, unidades hospitaliares, clínicas veterinárias;
  • Forças de Segurança (PJ e GNR);
  • Indústria Alimentar e Química.

Condições de admissão

  • Titulares do 12º ano ou habilitação legalmente equivalente;
  • Titulares de CET’s, titulares de CTeSP ou de grau de ensino superior;
  • Maiores de 23 anos - os que tenham sido aprovados nas provas especialmente adequadas a avaliar a capacidade para frequência do ensino superior.

Áreas relevantes para Ingresso

Os candidatos devem ter aprovação numa das seguintes Áreas Relevantes:

  • Matemática
  • Biologia
  • Português

Plano de Estudos
Aviso n.º 14024/2017 - Diário da República n.º 226/2017, Série II de 2017-11-23

1º Ano ECTS
Informática 4
Biologia e Bioquímica 5
Inglês 3
Comunicação e gestão de conflitos 3
Elementos de química 3
Elementos de física 3
Anatomofisiologia 6
Segurança e Higiene no Trabalho 3
Elementos de Balística 6
Criminalística 7
Técnicas Tanatológicas 6
Antropologia Forense 6
Direito em Medicina Legal 5
2º Ano ECTS
Técnicas Laboratoriais em Biologia e Genética Forense 10
Técnicas Laboratoriais em Química e Toxicologia Forense 10
Técnicas Laboratoriais em Histopatologia Forense 10
Estágio** 30

*O curso contará, também, com a participação de docentes convidados do Laboratório de Polícia Científica, da Polícia Judiciária, e do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses, I. P.

**Os Estágios decorrerão no Laboratório de Polícia Científica, da Polícia Judiciária, no Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses, I. P. e nos Laboratórios Hormofuncional

Valores

  • Candidatura
  • Matrícula e Inscrição
  • Propinas
Direitos de autor © 2020 IPLUSO - Instituto Politécnico da Lusofonia. Todos os direitos reservados. Gestão de conteúdos por Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.